quinta-feira, 29 de julho de 2010

É R I C A

É R I C A


       Érica, falsa-érica, leptosperma, árvore-chá, são nomes de um arbusto semi-lenhoso, com flores delicadas, originário da Austrália e Nova Zelândia, muito ramificado e florífero.


Folhas pequenas, aromáticas, lineares.

Inflorescências axilares curtas, com numerosas flores pequenas, de cor rósea ou branca, formadas principalmente na primavera e verão. 

É cultivada a pleno sol, em conjunto ou formando bordadura, com terra enriquecida em matéria orgânica e irrigada periodicamente.

Aprecia temperaturas mais baixas, onde floresce com maior intensidade, em diferentes períodos e estações.

Multiplica-se por sementes muito pequenas produzidas irregularmente, ou por meio de estacas. 


COGUMELOS


Acho lindo cogumelos, eles fazem parte da alimentação dos Gnomos, diz a lenda, e como Gnomo me remete a infância (porém essa é outra história que talvez eu conte um dia), não pude deixar de fotografar esse belo jardim.
Espero que você também goste.









Tenha um lindo dia.

"O amor reconforta como o sol depois da chuva."




segunda-feira, 26 de julho de 2010

L Í R I O-T O C H A

               LÍRIO-TOCHA

Também conhecido como Tritoma, o Lírio-tocha é uma herbácea rizomatoza, perene, originária da África do Sul, de 70-90cm de altura, com folhas lineares, longas e perenes.


Inflorescências longas, eretas, altas, densas, com numerosas flores vermelhas, tubulares, muito perfumadas, que se formam durante o inverno, de grande efeito decorativo e muito visitadas por beija-flores.

Adequada para plantio em touceiras isoladas, para bordaduras e para bordaduras de grandes conjuntos, a pleno sol, em canteiros com terra rica em húmus, de boa drenagem e irrigada periodicamente.

É bastante resistente a baixas temperaturas, desenvolvendo-se bem apenas em regiões de altitude no sul do país. Multiplica-se por divisão de touceiras.

PLANTIO: Ano todo. Plantar o rizoma a cada 50 cm ou mais um do outro. Deixar espaço para a formação das touceiras. A floração ocorrerá no final do inverno seguinte ao plantio. Não tolera excesso de água. 



Nome Científico: Kniphofia uvaria
Sinonímia: Aloe uvaria, Aletris uvaria
Nome Popular: Lírio-tocha, tritoma
Família: Asphodelaceae
Divisão: Angiospermae
Origem: África do Sul
Ciclo de Vida: Perene










Para começar esta semana, da melhor forma, recebemos nossos visitantes com muita ALEGRIA!!


Acima a pose da Cambacica


O macho do canário-da-terra vigia seu território e canta para manter afastado os outros machos.


Interessante...
Comer como um passarinho - É um elogio? 
Há expressões do nosso dia-a-dia que advêm por certo de má informação. Ao contrário do significado da expressão, (comer pouco, apenas debicar a comida), os amigos passarinhos comem até bastante, tendo em conta o seu peso e medida. Muitas aves chegam a comer o dobro do seu peso por dia.


Vamos ter que encontrar outras formas de elogiar uma boa dieta! 




Tenha um lindo dia e uma ótima semana!

"Assim como o orvalho ajuda a flor a crescer, da mesma forma a doçura exterior e interior nutre o desenvolvimento da amizade."


Amizade - Recados Para Orkut

sexta-feira, 23 de julho de 2010

DAMA-DA-NOITE

               


  DAMA-DA-NOITE

A dama-da-noite é uma planta arbustiva, de textura semi-lenhosa e muito popular devido ao aroma inebriante de suas flores.

Suas folhas são simples, perenes, ovais e lanceoladas, brilhantes, sustentadas por longos pecíolos.

Suas flores surgem na primavera-verão, carregando numerosas flores tubulares, de coloração creme-esverdeada.
A dama-da-noite é uma planta vigorosa e de crescimento rápido. É peça indispensável em jardins aromáticos, pois seu perfume é intenso.

Seu cultivo deve ser sob sol pleno ou meia- sombra, em solo fértil, drenável enriquecido com matéria orgânica. Não tolera salinidade, geadas fortes ou frio intenso.

As podas devem ser efetuadas após a floração. Multiplica-se por sementes e estaquias dos ramos semi-lenhosos.

Obs.: A dama-da-noite abre sempre por volta das 22hs e quando amanhece
             ela já se fecha. 


Só abre uma única vez. As minhas sempre abrem entre o
             Natal e o Ano Novo e quando são muitas parece até faróis de tão lindo.


Vamos conhecer o LINDO processo de abertura desta preciosa Flor - Dama da Noite? 

Consegui um vídeo no YouTube para compartilhar com vocês este belo momento!

video

Fonte: http://www.youtube.com/watch?v=yQ8qkdzhwUU&feature=related

Poema de Amor...

"Enquanto não superarmos a ânsia do amor sem limites
não podemos crescer emocionalmente.

Enquanto não atravessarmos a dor de nossa própria solidão,
continuaremos a nos buscar em outras metades.

Para viver a dois, é necessário ser um."

Fernando Pessoa






   "As mais lindas palavras de amor são ditas no silêncio de um olhar."
 Leonardo da Vinci     

terça-feira, 20 de julho de 2010

R U S S É L I A

R U S S É L I A

 
Também conhecida como flor-de-coral , a  russélia é um arbusto perene, entouceirado, originário do México, com ramagem numerosa e pendente, de folhagem e florescimento decorativos.

Emite brotações finas, com folhas pequenas, às vezes reduzidas a escamas. Inflorescências axilares e terminais, com flores esparsas tubulares, de cor vermelha,  formadas continuamente. Ocorre uma variedade de flores brancas.

É cultivada a pleno sol, em jardineiras ou vasos, situados em locais elevados que permitam o desenvolvimento pendente.

Suas flores são muito visitadas por beija-flores. Tolera bem o frio. Multiplica-se basicamente por divisão da touceira.

cacto

 Assim como o Brasil , o México também possui grande diversidade botânica.




Nosso visitante de hoje já é um velho conhecido, porém hoje veio acompanhado...




Um belo casal de Aracuã...



Aproveito para compartilhar com você a filmagem deste momento especial do meu Jardim... O lanche do Casal de Aracuã!


video


Obs: É uma filmagem histórica, pois assistindo o filme acima vocês podem escutar a narração da Final da Copa do Mundo 2010! ;) 








Tenha um lindo dia!

"Não sou a mesma pessoa que eu era ontem; Cada dia traz novos desafios, grandes e pequenos, e é superando-os que eu me transformo".





segunda-feira, 19 de julho de 2010

O R Q U Í D E A

         BRASSAVOLA  NODOSA

Pertencentes à grande família das orquídeas, as espécies do gênero Brassavola são naturais da região que se estende do México à Venezuela.

Assim como na maioria das orquídeas, a nodosa é uma epífita, ou seja, desenvolve-se no alto de árvores, onde se aproveita da sombra das copas.

Dentro deste gênero, a espécie destaca-se pelo tamanho, com flores de quase 10 centímetros de diâmetro e folhas de até 50 centímetros de comprimento, trata-se da maior estre essas orquídeas.

Perfumada, ela possui pétalas e sépalas estreitas, que lembram a forma de uma estrela. Ainda na flor o labelo se abre formando desenho de um coração.
São formas que se harmonizam em meio ao branco absoluto da inflorescência.


Curiosidade: 

Apesar da origem, seu nome homenageia um botânico europeu - o Veneziano Antonio Musa Brassavola - foi um médico italiano e um dos mais famosos de sua época. Ele era amigo e médico de Ercolo II, o príncipe de Este. Ele também foi médico dos Reis Francisco ICarlos VHenrique VIII e os papas Paulo IIIPapa Leão XClemente VII e Júlio III. Ele foi o primeiro a realizar com sucesso a traqueostomia, e publicado em 1546 esta realização. Ele estava na cadeira de filosofia em Ferrara e estudou botânica e medicina. 



Observe a rusticidade do cactos e a delicadeza com que a saíra pousa sem se preocupar com os espinhos a sua volta.
Podemos iniciar uma nova série...Onde está o visitante? 





Encontrou?







Agora olhe só a visita que recebi!

Foi entrando mesmo sem ser convidado e  foi bem recebido...
Espero que volte sempre.





Tenha um lindo dia.

É bom estar disponível ao vento, a chuva, ao sol, porque a vida é isso.